Transferência Externa
Campanha março cursos de extensão
Reestruturação Societária
Mestrado
Pós Presencial
ENEM Presencial
Campanha março cursos de extensão
Direito de família e sucessões
1
Graduação em Direito
5
4

Blog EPD

Como seguir a carreira acadêmica no Direito

carreira-academica-no-direito

O estudante de Direito já é por tipo alguém que gosta de ler e estudar e que possui uma boa oratória, características que combinam bem com a carreira acadêmica no Direito.

Mas nem todos optam por esse caminho. Aliás, a grande maioria busca concursos públicos e outra grande parte segue a advocacia. No entanto, é possível, inclusive, conciliar a carreira acadêmica com outras e exercer a docência, por exemplo, conjuntamente com outros trabalhos.

Não é fácil, pois ambos requerem dedicação. Mas, para os que se encantam também com a área acadêmica, essa pode ser uma opção.

Mas como seguir a carreira acadêmica no Direito?

O primeiro passo desse caminho é dado, obviamente, com a graduação. A graduação em Direito é de bacharelado, o que faz com que o curso seja mais generalista, dando uma base de tudo o que se trata no Direito, porém de forma mais abrangente.

Dar o segundo passo, que é o da pós-graduação, é hoje em dia visto como essencial. Se aprofundar sobre um tema específico dentro da área é, do ponto de vista técnico, o mais assertivo.

É neste momento da caminhada que o estudante/profissional vai definir se vai seguir ou não a carreira acadêmica. Nessa bifurcação, ele opta por uma pós lacto sensu e vai estudar uma área específica, como, por exemplo, direito tributário, mas com foco no trabalho e na atuação, ou opta por uma strictu sensu, com uma formação específica em um determinado assunto dentro de uma área e com foco para estudo e pesquisa.

Esse tipo de pós é o chamado mestrado.

No mestrado em Direito, o foco é o desenvolvimento de investigação sistematizada dos problemas jurídicos e para isso alia-se pesquisa, análise e discussões. Existem disciplinas a serem cumpridas, além da pesquisa a ser realizada durante o período do curso. A quantidade de leitura é extensa e os estudos, densos.

Algumas dicas importantes sobre o momento de escolher o mestrado são: buscar informações sobre as linhas de pesquisa das instituições (é preciso que elas coincidam com as suas vontades e expectativas), avaliar recursos físicos, humanos e bibliográficos da instituição (isso faz muita diferença no processo e no resultado do mestrado).

Normalmente, após finalizar o mestrado, o estudante ingressa no Doutorado. Nele também é preciso cursar algumas disciplinas e elaborar uma tese. A leitura, pesquisa e estudos se intensificam e a dedicação na maioria dos casos é ainda maior que a do mestrado. Escolher a instituição com critério também é importante e avaliar, por exemplo, parcerias com universidades no exterior pode ser essencial para quem deseja fazer um doutorado sanduíche. Nele, o estudante faz uma parte de seus estudos em outra universidade trazendo com isso muitas vantagens para seus estudos e currículo.

Os profissionais que optam por seguir a carreira acadêmica em Direito costumam buscar a docência em universidades de renome, conciliando esse trabalho com o de pesquisa. Como resultados de suas pesquisas, eles publicam artigos, por exemplo, que são de grande valia para a área.


A média salarial de um professor com doutorado nessa área é de R$4.200,00, podendo chegar aos R$11.000,00. Algumas universidades contratam profissionais somente com mestrado.

Toda carreira acadêmica requer muito estudo e dedicação, porém, para aqueles que se encaixam nesse perfil, é uma carreira bastante gratificante e interessante.

Se você quer saber informações sobre o mestrado da EPD, leia este artigo a seguir:

No site você também pode obter maiores informações: https://www.epd.edu.br/mestrado

Está gostando do conteúdo? Compartilhe!

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram