Blog EPD

O que é um headhunter jurídico

headhunter jurídico

Os headhunter estão cada vez mais em evidência nos diversos ramos do mercado de trabalho e existem, hoje, muitos profissionais que atuam como headhunter jurídico, ajudando empresas e advogados a encontrarem exatamente o que precisam.

Veja a seguir um pouco mais sobre o papel de um headhunter, as funções específicas no universo do Direito e como você pode fazer para chamar a atenção de um caso esteja à procura de vagas de trabalho.

O que é um headhunter
A tradução literal do inglês para o português define o headhunter como um “caçador de cabeças”. E a função dele é mais ou menos por aí mesmo. A pessoa que atua como headhunter tem como missão encontrar os profissionais adequados para vagas específicas em empresas. Ou seja, caçar talentos (cabeças).

O headhunter pode atuar de forma autônoma ou dentro de empresas — principalmente as de maior porte — para auxiliar o RH e as áreas carentes por profissionais que se encaixem no perfil procurado por aquele determinado negócio.

É de responsabilidade do headhunter, portanto, encontrar candidatos que tenham a experiência, as habilidades técnicas e as competências para aquela vaga. Além do conhecimento do mercado em si, um bom headhunter é dotado também de certa destreza para ver potenciais em profissionais, mesmo que eles ainda precisem se desenvolver ao longo da jornada na empresa.

O headhunter jurídico
O mercado jurídico já há algum tempo conta com headhunters especializados para resolver os “problemas” de escritórios e de empresas que precisam de profissionais capacitados para seus departamentos jurídicos.

Como o Direito é formado por subáreas, que a cada dia se desdobram em mais ramos e com mais particularidades, é extremamente importante que determinadas vagas sejam preenchidas por juristas que tenham a preparação para preenchê-las.

Os melhores headhunters jurídicos são aqueles que, além de dominar os conceitos mais tradicionais do Direito, estão também em constante atualização para acompanhar as tendências apresentadas pelas diferentes áreas e as habilidades que o mercado exige dos advogados do futuro.

É fundamental que a pessoa que quer se colocar no cenário jurídico como um caçador de talentos seja alguém de boa comunicação, com um networking amplo e facilidade para entrar em contato com empresas, setores (e ferramentas) de Recursos Humanos e até mesmo faculdades na procura por recém-formados promissores.

Como chamar atenção de um headhunter
Seja no setor jurídico ou em qualquer outro ramo de atuação, chamar atenção de um headhunter pode ser um diferencial e tanto para aqueles que procuram por emprego. E algumas características e ações podem ajudar nesse processo:

– Tenha mais visibilidade: com a internet e as redes sociais, é muito comum hoje que headhunters vasculhem os perfis online de candidatos. Por isso, tenha seu linkedin sempre atualizado, evite misturar a vida profissional com a pessoal nesses canais específicos de relações de trabalho e aposte no marketing jurídico para alcançar mais pessoas com o seu trabalho.

– Construa um networking também fora da internet: os relacionamentos criados são fundamentais para qualquer profissional. Por isso, invista já desde a faculdade na criação de um networking com colegas, professores e profissionais da área do Direito para ser sempre lembrado caso surja “aquela vaga com a qual você sempre sonhou”.

– Tenha autoridade: faça publicações em blogs, dê entrevistas a jornalistas, participe de podcasts, escreva artigos, compartilhe notícias relevantes, ajude aqueles que precisam de conteúdo na sua área. Com essas atitudes, você certamente começará a ser lembrado como autoridade naqueles determinados assuntos/ramos.

– Se especialize: é importante ter um conhecimento completo sobre o Direito, mas a especialização é o melhor caminho para se destacar no mercado de trabalho. Ao focar em determinada área, você se posiciona como referência nela e terá mais chances de ser visto por um headhunter que saiba de vagas interessantes voltadas ao seu ramo de atuação.

Aproveite o amplo portfólio de cursos da EPD para se especializar. São diversas opções de Pós-Graduação presencial e online, além de ofertas de Extensões e Atualizações, todas coordenadas por professores mestres e doutores entre os melhores do país, com bagagem prática e acadêmica e em uma instituição nota máxima no MEC.

Siga também acompanhando o Blog e as redes sociais para ver mais conteúdo e dicas do universo jurídico.

Está gostando do conteúdo? Compartilhe!