Blog EPD

Senado aprova pensão vitalícia para atleta

A atleta Laís Souza, que, após acidente, ficou tetraplégica durante seus treinamentos para representar o Brasil no categoria de esqui aéreo nos últimos Jogos Olímpicos de Inverno, na Rússia, irá receber pensão vitalícia do governo brasileiro.

Proposto pela deputada Mara Gabrilli (PSDB-SP), o projeto de lei foi aprovado no último dia 17 de dezembro no plenário do Senado. A atleta receberá o valor de R$ 4.390,24 que é equivalente ao teto da Previdência Social.

Laís quebrou a terceira vértebra cervical e está sem os movimentos e controle de órgãos do pescoço para baixo.

A justificativa abortada pela deputada é que a esportista representava o Brasil no momento em que se acidentou e precisa de recursos como forma de subsistência após o acidente.

O projeto foi bem recebido pelas comissões de Educação, Cultura e Esporte, e de Assuntos Sociais do Senado e foi aprovado sem alterações ao texto enviado pela Câmara dos Deputados. O projeto de lei vai para sanção da presidenta Dilma Rousseff.

Está gostando do conteúdo? Compartilhe!